Fale Conosco
Clique aqui!
X
Clique aqui e Peça seu Orçamento!
Clique aqui e Peça seu Orçamento!
Feira febratex – Unifors esteve presente no dia 23/08/2018

Feira febratex – Unifors esteve presente no dia 23/08/2018

No dia 23 a Unifors esteve presente na Feira Febratex, para buscar aperfeiçoamento produtivo e novos conhecimentos e tendencias do mercado profissional, para proporcionar um melhor atendimento a seus clientes.

Um pouco sobre a Febratex


Posicionada como a maior feira do segmento nas Américas, a Febratex – Feira Brasileira para a Indústria Têxtil apresenta, a cada dois anos, as principais inovações tecnológicas e lançamentos para o setor têxtil e de confecção. 

Durante quatro dias, visitantes e compradores vindos dos principais polos de confecção do Brasil e da América Latina têm acesso às novidades de mais de 2,4 mil marcas nacionais e internacionais, que podem ser conferidas nos stands distribuídos entre os cinco pavilhões que fazem parte do Parque Vila Germânica em Blumenau, SC. 

Em 2018 a Febratex completa 16 edições e promete repetir o sucesso de sempre! 

Importância e tamanho da cadeia têxtil brasileira 

Segundo dados da Abit – Associação Brasileira da Indústria Têxtil, a cadeia têxtil e de confecções no Brasil, é o quarto maior parque produtivo de confecção e o quinto maior produtor têxtil do mundo. A cadeia é formada por 29 mil empresas formais, que a tornam a segunda maior empregadora da cadeia de transformação nacional, responsável por 1,5 milhão de empregos diretos e 8 milhões, se forem adicionados os indiretos. É também o segundo maior gerador do primeiro emprego. 

Referência mundial em beachwear, jeanswear e homewear, o Brasil detém alguns números que traduzem a força e o potencial de crescimento do setor: é o segundo maior produtor e terceiro maior consumidor de denim do mundo; somos também o quarto maior produtor de malhas do mundo e autossuficientes na produção de algodão. Com 200 anos de atividades, representamos a última Cadeia Têxtil, completa do Ocidente, envolvendo desde a produção das fibras, como plantação de algodão, até os desfiles de moda, passando por fiações, tecelagens, beneficiadoras, confecções e varejo. 

Share this post